Como salgar a carne?

postado em: Curiosidades, Dicas, Notícias | 0

O ideal é sempre adicionar o sal depois de selar a carne. É um costume salgar antes para “dar sabor à carne”, mas não é aconselhável nem mesmo no churrasco.

O sal pode ressecar a carne, absorvendo os líquidos e diminuindo a sua suculência. Muitos argumentam que o descanso no sal grosso ressalta o sabor da carne. Mas, uma carne de boa qualidade não precisa deste descanso.

Sobretudo, é uma questão de escolha. Não existe tempero certo, pois cada um tem um paladar.

Mas, não custa experimentar para decidir em qual momento prefere salgar.

E você, como prefere salgar a carne?

Como preparar conservas frescas de tempero

postado em: Curiosidades, Dicas, Receitas | 0

Para ganhar tempo, evitar o desperdício e ter sempre à mão ervas fresquinhas, siga o passo a passo:

 

1) HIGIENIZAÇÃO

Higienize as ervas, deixando-as de molho por 15 minutos em uma tigela com água e vinagre. Calcule 1 colher (sopa) por litro.

 

2) SEPARAÇÃO

Seque os ramos entre camadas de papel absorvente. Separe as folhas dos talos. Reserve-os para o preparo de caldos.

 

3) FERVURA

Mergulhe as folhas em uma panela com água fervente por aproximadamente 20 segundos.

 

4) BRANQUEAMENTO

Retire as folhas com uma escumadeira e despreze a água. (Esse processo, o branqueamento, preserva o sabor e a cor.)

 

5) RESFRIAMENTO

Resfrie em uma vasilha com gelo por 20 segundos. Escorra a água que se forma e seque as folhas.

 

6) ARMAZENAMENTO

Pique as ervas com a ponta da faca. Apoie a mão sobre as costas da lâmina do utensílio, que deverá estar bem afiada.

 

7) CONSERVAÇÃO

Armazene em potes herméticos no freezer por até dois meses. Identifique-os com etiqueta.