Assando Carne Com Gordura

postado em: Curiosidades, Dicas, Receitas | 0

Sempre que possível, as carnes devem ser assadas com a própria gordura.

Isto torna-a impermeável e protege-a contra o calor intenso na churrasqueira, evitando que o calor carbonize as proteínas da carne. Se a gordura for retirada antes do preparo, a carne terminará ressecando.

A maioria das carnes para churrasco vem com a sua gordura própria, como no caso da picanha, cupim e costela. Comece assar a picanha com a gordura voltada para cima, deixando que a parte de baixo forme uma crosta crocante. Vire o lado com gordura para baixo somente no final, para que ela acabe de derreter.

Picanha na mostarda

postado em: Receitas | 0

A picanha já foi eleita preferência nacional quando se trata de um bom churrasco. Hoje separamos uma receita deliciosa que prova a versatilidade dessa carne, confira:

INGREDIENTES:

  • 2 Kg de picanha;
  • 5 colheres de sopa de mostarda;
  • 5 colheres de sopa de sal grosso.

MODO DE PREPARO:

Tempere a picanha com o sal groso, espalhando uniformemente pela carne. Deixe a carne descansar por 20 minutos, para absorver o tempero. Passados os 20 minutos, espalhe a mostarda em toda carne. Cubra a carne com papel alumínio e deixe no forno por 30 minutos. Retire o papel alumínio e fatie a picanha, as fatias não devem ser mais grossas que 1 dedo. Nessa hora a fatia ainda está crua e o corte vai fazer com que o sangue da carne misture com a mostarda. Volte ao forno, para que a picanha fica dourada e atinja o ponto ideal. No máximo 20 minutos a mais.

Tirando a picanha do forno é só aproveitar!