A origem do rodízio

postado em: Curiosidades, Notícias | 0

O Brasil é um país com abundância nos tipos de carnes, chegando a ser até a sua marca registrada no mundo afora. Quando falam em churrasco, sempre citam nosso país como o que tem as carnes mais gostosas. Uma coisa que sempre agradou o paladar e as exigências dos clientes foi o rodízio de carnes. Pedindo agilidade e variedade, o rodízio entregava às pessoas exatamente o que procuravam.

 

Sua história começou em Jacupiranga/SP. Nos anos 60, o gaúcho Albino Ongaratto tinha uma churrascaria não muito movimentada na BR-116, onde o seu negócio seguia sem problemas e o churrasco era vendido principalmente aos viajantes que passavam pela estrada. Em 63, uma festa religiosa de São Paulo reuniu milhares de fiéis à churrascaria do Ongaratto.

 

O movimento foi tão grande que as carnes começaram a ser trocadas, pois não estavam acostumados com aquele ritmo frenético de pedidos. Foi aí que Albino teve uma ideia: passou a enviar a todas as mesas as carnes que estavam saindo da churrasqueira, resolvendo a confusão e agradando os clientes com a novidade.

 

Após o acontecimento, moldou-se um novo sistema nas churrascarias, agora pagando apenas o valor fixo para poder se deliciar com todas as carnes da casa. Foi uma solução inteligente e simples, que mudou o rumo do churrasco no Brasil.